domingo, 22 de setembro de 2013

E NÃO É SÓ HOJE





Hoje, apetecia-me ser amada
Olhada, desejada,
Sorvida, salivada,
Apetecia-me sentir seus olhares
Focados na minha intimidade
Descuidadamente exposta,
aberta, molhada, cheirosa,
Apetecia-me ouvir de você,
Pedidos indecentes,
Imoralidades salientes
Palavras calientes
Apetecia-me ser provocada,
Bolinada, mexida, roçada,
Apetecia-me ver você excitado,
Ver você interessado, curioso,
Libidinoso, carinhoso, safado,
Túmido e molhado,
Pronto a nossa particular perversão
Hoje apetecia-me, que visitasse minha noite
E a se esfregar em mim – como um dia prometido –
Fizesse a nós, levitando,
viajar, transcender...
movidos, unicamente, por nossas asas...

Vera Celms
Licença Creative Commons
O trabalho E NÃO É SÓ HOJE de Vera Celms foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário