domingo, 13 de junho de 2010

RENDIÇÃO

Quero que pense em mim,

Como quem pensa em água,

No meio do deserto,

Ávido, sedento,

Capaz de extremos,

E eu te darei meu corpo,

Ansioso, inquieto,

Debruçado no teu prazer,

Pulsando, pronto,

Excitado,

Buscando a tua volúpia,

Expondo aberta, a minha libido,

Inflamada, latejante,

Devassa e despreocupada,

Espalhada no ar,

Indisfarçável,

Basta que me queira toda,

Tanto, que teu prazer te faça doer,

Visível a qualquer distancia,

E eu surgirei, durante o dia,

na noite insone,

Socorrendo o teu delírio,

Como uma enguia,

Deslizando pelo teu corpo,

Como uma aranha a te percorrer safada,

Como uma concha a envolver,

Cada pedaço enlouquecido de ti,

Coberta pelo teu adormecer...

Até o amanhecer...


Vera Celms


Nenhum comentário:

Postar um comentário